Consumir drogas ou álcool antes dos espetáculos?

Consumir drogas ou álcool antes dos espetáculos? Sim ou Não?

Ainda ontem tive a conversar com uns amigos sobre se os artistas devem ou não consumir drogas ou álcool antes dos espetáculos. Num grupo de apenas 5 pessoas não podiam existir opiniões mais distantes. Uns defendiam que era inconcebível e que se não estiveres sóbrio não conseguirás controlar o teu show, outros defendiam que a maioria dos músicos só se liberta sob efeitos psicotrópicos.
Antes de mais quero assumir uma posição clara, não sou a favor nem contra o consumo de qualquer tipo de droga. Acho que cada um deve ser consciente do que pode esta decisão poderá afectar a sua vida e a vida dos que os rodeiam e acarinham. A partir daí qualquer pessoa é livre de fazer o que bem lhe apetece.
A minha experiência no mundo do espetáculo fez-me lidar com pessoas tão diferentes que não acredito num meio termo. Penso que cada um deve conhecer os seus limites e formas de estímulo.
Enquanto agente e manager, é claro que esta situação é alarmante. Quero que qualquer um dos meus artistas suba ao palco e que dê o seu melhor. Não quero sentir um desconforto no artista nem quero que desmaie em pleno palco.
Este tópico leva-nos a um ponto crucial quando estás a gerir a uma banda: tens que conhecer bem os teus artistas. Tens de saber o que valorizam,  o que os faz vibrar, o que os motiva mas também os seus limites. Há tempos no post onde explico o papel do manager digo que este funciona muito como o “Pai”. Por vezes terá de ser a voz da consciência do artista não só pelo artista mas também por ele.
E tu? Qual é a tua opinião sobre consumir drogas ou álcool antes dos espetáculos? Envia-me a tua opinião para joao@tuff.pt
Até já!

João Moura de Paiva

Managing Partner @ tuff Agency