As 5 características de um bom Manager

Já definimos qual o papel de um bom manager num mundo do espetáculo mas, quais são as características mais importantes que um manager deve desenvolver? Um manager é uma figura muito importante no mundo da música mas no entanto, todos criadores do mundo do espetáculo necessitam desta pessoa. Nem que seja o próprio artista.

Assim, selecionámos as algumas das característiscas/skills que um manager deve ter.

Responsabilidade

Por vezes tendemos a suavizar a importância do que é realmente a responsabilidade. Um manager é o motor do artista do ponto vista estratégico. É quem coordena, controla, monitoriza, avalia e protege a imagem e a carreira do artista.

Network

O Manager não tem de ser um party animal. Mas por certo, tem de conhecer bem o mercado e mexer-se bem dentro do mesmo. Deve conhecer as pessoas certas, saber quem é quem, e estabelecer uma relação de confiança com as mesmas. De facto, a lista de contactos do Manager é sem dúvida uma das suas grandes mais valias.

É claro que no início de carreira, muitos managers não têm esta lista de contactos mas na verdade, é algo que nunca se esgota.

Gestão de Pessoas

Além de saber e ter tacto para gerir o próprio artista, o manager é o polvo que vai articular todos os profissionais à volta do artista. É importante saber gerir e tirar o melhor de cada pessoa para que, cada pessoa, seja um ativo para o projeto e não uma sobrecarga. De fotógrafos a assessores de comunicação, de agentes a editoras, de técnicos de som a road managers, de patrocinadores a fãs dos artistas, são dezenas de pessoas de contacto diário com o manager.

Orientação para o negócio

Um bom manager compreende a razão e a decisão artística. No entanto, a sua cabeça está direcionada para criar novas oportunidades de negócio. Conhecer o mercado e ver qual a melhor forma de criar cada vez melhores condições para o seu artista. Atenção, o principal trabalho de um manager é defender e desenvolver a carreira artística. Não podemos nunca colocar a geração de €€€ à frente, ainda que seja por vezes tentador.

Parece-me óbio que para ter esta visão de mercado, o manager deve ter alguma literacia financeira e acompanhar as trends para poder identificar oportunidades eficientemente.

Organização & Multitasking

Terminamos com os skills que considero estruturais para o desenvolvimento de um manager. Este deve ter toda a informação na sua mão, organizada e pronta a utilizá-la da melhor forma. O mundo do espetáculo pode vir a ser um mundo complexo com prazos irregulares. Esta loucura obriga-nos a ser extremamente organizados e capazes de estar em cima de vários assuntos dispares ao mesmo tempo.

É claro que aqui podíamos adicionar várias outras características como o amor à música, a vontade de fazer crescer o projeto ou a honestidade, entre outros. Na verdade, há milhares de formas de gerir um projeto artístico, assim como uma empresa e os skills para cada projeto e o papel do manager serão certamente diferentes.

Até já,

João Moura de Paiva

Managing Partner @ tuff Agency