O que é um Rider Hospitaleiro?

1016
Rider Hospitaleiro e Rider Técnico

O rider hospitaleiro vai normalmente anexado ao rider técnico. O “hospitality rider” reúne uma série de exigências de logística para o dia do espetáculo. Exigências que têm como objetivo trazer algum conforto à estadia do artista.

Nos riders hospitaleiros mais simples estão descritos as comidas e bebidas a constar no camarim, toalhas, tipo de hótel necessário, guest list ou outras informações não técnicas. Estes pedidos são analisados sempre pelo stage manager e pelo produtor do evento. Será sempre conferido à chegada pelo road manager.

Todas as informações e necessidades técnicas fazem parte do rider técnico.

Além destes pedidos, podem ser encontrados outros pedidos como transporte, um runner, número de seguranças privados, acesso a uma zona de chuveiro após o espetáculo, etc.

Um rider hospitaleiro normal para uma banda de 5 pessoas.

Camarim

Aqui inumeras tudo o que precisas que esteja no camarim assim que chegares

  • Toalhas lavadas
  • Sandes mistas e frutas da época
  • Garrafas de vinho tinto
  • Pack de cervejas frescas
  • Gelo
  • Garrafa de whisky/vodka
  • Sumos sem gás
  • bolachas e aperitivos
  • Bebidas energéticas
  • Máquina de café (e café).
  • Águas

É importante mencionar o número e caso seja relevante, a marca do que é pretendido. É normal que o produtora responda dizendo se é possível ou não. Caso não exista resposta, assumimos que está tudo ok. Pedir é sempre fácil, mas será que vais mesmo precisar de tudo o que pediste? Lembra-te, tu foste para tocar e não para comer. Como em tudo na vida, o bom senso impera.

Exemplo de rider hospitaleiro

Estadia

Aqui inumeras todos os detalhes relacionados com a estadia em hotel. Deverás mencionar o número de pessoas e se possível dividir da melhor forma. Exemplo:

  • 2 quartos duplos
  • 1 quarto single com varanda onde se possa fumar.

Refeições

Não te esqueças de mencionar o número de pessoas que vão jantar e se vão todas juntas ou não (no mesmo horário). É importantíssimo referir todas as restrições alimentares ou dietas muito específicas.

  • 7 jantares. 1 deles vegetariano e 2
  • Preferência por frango ou perú ou peixes grelhados.

Transporte

O transporte também deverá ser aqui descrito, indicando também as matrículas, modelos e os condutores de cada carro. Exemplo:

  • São necessários 2 lugares de estacionamento: 1 carrinha de 9 lugares e 1 carro de 5 lugares.
  • A carrinha de 9 lugares terá de ter acesso directo ao palco para descarregar material
  • Carro 1: 12-TV-43 – Ford Transit 9 lugares – Condutor: João Paiva com o BI: 123456789

Comitiva e convites

Deverá ser enviado uma lista com nomes e função de cada membro da comitiva. No mesmo documento poderão ir também os nomes para entregar convites.

Acho que estes são os pontos vitais para um rider hospitaleiro. Como disse a cima, o bom senso é sempre a regra de ouro. Pede tudo o que te for necessário mas evita pedir só porque sim. Lembra-te também, principalmente a nível de convites, que todos estes são custos extra além do teu cachet.

E tu, o que costumas pedir no teu rider hospitaleiro? Partilha comigo para que possa melhorar o artigo para o email joao@tuff.pt

fotografia retirada de http://benditogosto.com.br/camarim-jota-quest/