A diferença entre custo e valor

O Custo

O objetivo deste artigo é fazer-vos pensar sobre a diferença entre custo e valor no nosso produto, um CD ou um espetáculo ao vivo. Para muitos, este é um sinónimo mas hoje vamos pensar um pouco sobre a sua importância.

Na área financeira, quando pensamos num produto para ser comercializado, temos que pensar em dois tópicos importantes: Custo e Lucro.

Podemos entender o custo, para o produtor, como a soma de todas as despesas inerentes à produção de determinado produto. Já para o cliente é o preço a que está disponível para comprar.

Já o lucro é o adicional ao valor do custo para obter o custo final de venda para o cliente. 

Muitas vezes também chamado de “margem”. Sendo que a “margem” poderá ser apenas uma parte do lucro.

O Valor

Mas… se fizermos uma transposição para o mundo do espetáculo, se assim fosse, a lógica seria: quanto mais cara a produção, mais caro o bilhete, correcto?

Então porque é que um espetáculo a solo de um artista pode ter um bilhete mais caro do que um espetáculo de uma banda de 9 músicos? 

Tudo se resume ao fator diferencial: valor. Ao valor que cada espetador dá ao produto que está a ser comercializado, neste caso, um espetáculo ou um CD.

Para mim, um espetáculo do rapper português Sam The Kid tem mais valor que um espetáculo dos internacionais Scorpions. 

Apesar de talvez, seja mais barato ir ver STK do que ir ver Scorpions. Para mim, os espetáculos dos Scorpions a cima de 15€ serão sempre caros. 

E isto, nada tem a ver com a qualidade musical ou com a produção do espetáculo mas sim a valorização que é dada pelo espectador a determinado tipo de produto.

É este valor que inflaciona o preço final de venda para o cliente, ainda que deva sempre ser assegurado o custo e o lucro. 

Assim, podemos dizer que o custo de um bilhete é definido pelo promotor, já o valor desse bilhete é estabelecido pelo espetador. Devemos ter em conta esta relação quando pensamos na relação do custo e valor.

No entanto, que por mais valor que determinado artista possa ter para determinado público, o custo do bilhete está também influenciado pela condição financeira do tipo de público. É importante definir e conhecer bem o público-alvo de cada artista.

Falta-nos também ter em atenção que existem outros fatores que influenciam o preço final de um bilhete. Temos por exemplo a notoriedade do artista ou da própria sala bem como o tipo de lugar ou acesso do espetáculo.

Envia-me o teu feedback ou dúvidas sobre este tema para joao@tuff.pt. Até breve

João Moura de Paiva

Managing Partner @ tuff Agency